BlogA Casa dos Sonhos: o que um bom projeto deve levar em consideração?

Amigos, seguindo a nossa série nesse post falaremos o que um bom projeto de arquitetura deve levar em consideração. Quando vamos construir a nossa casa sempre a imaginamos grande, confortável e completa, mas é a partir dessas premissas que surge o primeiro ponto a ser levando em consideração, que é: o que determina o tamanho de uma casa é o seu uso! Ou seja, como ela será, no futuro, utilizada.

Assim, é muito importante o casal fazer a seguinte pergunta: Nós realmente precisamos disso? Por exemplo, um casal que não gosta de filmes, não precisa de uma sala de cinema. Entretanto eles gostam de cozinhar, logo precisam de uma cozinha maior porque terão mais eletrodomésticos e equipamentos, além de receber os amigos na cozinha. Talvez eles possam até ter uma grande mesa na cozinha e não em uma sala de jantar separada. Conseguiram entender a o raciocínio? Seguindo essa linha pense em todos os cômodos da casa e se serão necessários e qual o tamanho esperado deles. Não se esqueça de levar o futuro do casal em consideração. Vocês têm ou terão filhos? Lembrem-se que os filhos crescem. Querem ter um jardim, mas quem de vocês gosta de cuidar de jardim? E a piscina? Vocês gostam de nadar e pegar sol? Na área de churrasqueira… Vocês tem o costume de receber os amigos em casa? Mas não fiquem preocupados em determinar tudo isso, como já falamos no post A Casa dos Sonhos: O que Preparar Para a Primeira Reunião com o Arquiteto, o desenvolvimento do conceito de como será a casa e o uso dela é uma atribuição do arquiteto que vai fazê-lo a partir do conhecimento da rotina, hobbies, e características do casal. Porém, quanto mais o casal estiver alinhado com as necessidades e características da casa, melhor será o resultado do projeto.

Outro ponto que um bom projeto deve observar é a topografia do terreno. A busca por fazer um projeto que leve em consideração às características do terreno traz um projeto com mais harmonia e, até mesmo, menores custos. Grandes movimentações de terra e terraplenagem tem um custo elevado. Pense também na posição da casa em relação ao sol. A orientação solar é muito importante. A melhor técnica diz que os quartos recebam a luz solar na parte da manhã e a área de serviço na parte da tarde. Os cômodos com janelas orientadas para o sul não recebem a luz solar e estão sempre na sombra. Posição muito indicada para a sala de TV e os quartos também. Em algumas regiões do Brasil essa orientação poupa até a utilização de ar-condicionado.

Os ventos dominantes também devem ser observados e a posição das janelas pode até propiciar a ventilação cruzada. Ventilação cruzada é quando as esquadrias estão dispostas de forma que o vento entra por algumas delas e sai por outras, fazendo que o vento cruze a edificação, por isso esse nome.

Por fim, é a aplicação do conjunto dessas premissas aliada a criatividade do arquiteto que vai produzir um projeto de qualidade que, ao término da construção, vai proporcionar o conforto desejado pelo casal.

Fonte: Pedreirão | http://www.pedreirao.com.br/destaque/a-casa-dos-sonhos-o-que-um-bom-projeto-deve-levar-em-consideracao/

Artigos Relacionados

  • Baterista do Pink Floyd recebe Prêmio Honorífico de Arquitetura

    Baterista do Pink Floyd recebe Prêmio Honorífico de Arquitetura

    Talvez, poucos de vocês saibam que os membros do Pink Floyd se conheceram como estudantes de arquitetura. Então, Nick Mason, Roger Waters e Richard Wright tiveram como sala de ensaio os corredores da Regent Street Polytechnic, agora na Universidade de Westminster, em Londres.

  • Revitalização urbana através do manejo sustentável do lixo

    Revitalização urbana através do manejo sustentável do lixo

    A série “Building Tomorrow”, transmitida pela rede britânica BBC trata de diversos assuntos sobre as soluções tecnológicas que têm sido aplicadas nas cidades, a influência que estes espaços urbanos exercem nas pessoas e nos desafios ambientais que seus habitantes terão que enfrentar nos próximos anos e que seus efeitos já estão presentes em certos lugares do planeta.

  • Oito bibliotecas comunitárias que levam leitura aos espaços públicos

    Oito bibliotecas comunitárias que levam leitura aos espaços públicos

    Há algum tempo o ArchDaily mostrou seis casos bem sucedidos de bibliotecas comunitárias que tem conseguido aproximar os livros das pessoas em espaços públicos através da reutilização. Agora, mostram oito novos casos que seguem esse princípio e que cumpriram seu objetivo, dando a opção das pessoas de ler enquanto estão na rua, num parque ou até mesmo num ponto de ônibus.

  • Feng shui express: transforme a energia da sua casa

    Feng shui express: transforme a energia da sua casa

    Dicas rápidas e práticas para você aproveitar a técnica milenar e trazer mais harmonia aos ambientes e à sua vida

  • Lei de Regularização - Prefeitura de São José dos Campos

    Lei de Regularização - Prefeitura de São José dos Campos

    Desde 3 de outubro de 2011 as obras realizadas no município sem autorização da Prefeitura podem ser regularizadas. De acordo com a Lei Complementar 445, publicada em 30 de setembro de 2011 o prazo para regularização é de um ano. Algumas regras variam conforme o tamanho do imóvel ou ainda conforme a faixa de renda do proprietário.